Entrevista com Vivi Siqueira, do Borboletando.org

Vivi - borboletando.org

Vivi Siqueira, 22 anos, paulistana e blogueira. Aproveitamos o Blogueria #6 e entrevistamos ela, do borboletando.org, que nos conta um pouquinho da história do Blogueria.

1. Quando surgiu a idéia de criar o Blogueria ?

Há algum tempo eu vinha pensando em organizar encontros entre blogueiros em SP. A primeira oportunidade surgiu quando as meninas do Rio (Bruh Tyler do subersiva.nuvem-pimenta.org e a Joana do pseudologia-fantastica.com) vieram para cá, e marcamos um mini encontro de blogueiros lá na Liberdade, apelidados carinhosamente como People LLC. Depois veio o Encontro Mix, que eu e a Lia organizamos para uma extinta revista virtual, e eu já vinha conversando com ela a possibilidade de montarmos um site com esse fim. Chamamos a Paulinha para a empreitada e o final da história vocês já conhecem rs.

2. Atualmente o blogueria reune, comumente, blogueiros paulistanos, mas há uma crescente participação de blogueiros de outros estados. No momento da criação você já esperava que o blogueria ultrapassaria as fronteiras estaduais ?

Nós pensavamos alto já, no melhor estilo "faremos filiais de Blogueria nos estados que tiverem mais Blogueiros interessados", mas eu particularmente nunca imaginei que o interesses dos blogueiros dos outros estados seria tão rápido assim. Já sabemos que no Rio temos um bom número de blogueiros (suspense).

3.Como o site é mantido? Há algum tipo de apoio, patrocinio ou algo parecido?

Temos o apoio do Pre-Lude Hosting, que nos ajuda com a hospedagem. O domínio é mantido por nós (leia-se Paula, mas a renovação já falei que é por minha conta rs.). Mas a intenção é buscar mais parceiros e patrocinadores para que o projeto cresça cada vez mais.

4. Qual o papel do blogueria na blogosfera hoje?

O Blogueria tem um aspecto curioso de demais projetos feitos por blogueiros: nós promovemos a interatividade entre as pessoas. Tanto nos encontros quanto nos sites, ninguém é melhor do que ninguém, ninguém sabe mais do que ninguém ... lá todo se conhece, interage. Acho que é fazer com que as pessoas "se desliguem" dos rótulos, e fazer com que certos sentimentos deixem de ser virtuais para se tornarem reais. Muitos blogueiros deixaram de ser apenas parceiros de links para se tornarem parceiros da vida real, de compartilhar bons e maus momentos, enfim. E eu acho que isso só tende a aumentar com as nossas colunistas de alto garbo e elegância, fazendo com que até mesmo aqueles blogueiros não frequentadores dos nossos encontros sintam-se parte da nossa Confraria.

5. Faça um comentário e um agradecimento final

Quero agradecer todo mundo que faz com que esse projeto idealizado por mim e pelas meninas continue cada vez mais forte e melhor. E que os outros blogueiros sigam nosso exemplo de união verdadeira acima de qualquer coisa, seja ela qual for.
Previous
Next Post »